sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Ao bom rapaz

Bom rapaz, saiba que eu te quero bem, não te odeio como crees; apenas segui com a vida e nela nada restou de você. Pra quem sabe a desventura de abandonar um amor vazio, posso ser considerada uma campeã; meus dias são bonitos sem a lembrança do seu rosto, do seu gosto e dos meus sonhos sem sentidos. Hoje eu sou feliz, bom rapaz, com um outro rapaz! E eu te quero bem por isso; você me ensinou com o descaso de um sentimento mascarado que quando não há mais interesse; ou se mente ou se sente. Eu senti, você mentiu e acredito que os dois tenham aprendido com isso; eu aprendi e hoje eu sou feliz com um outro rapaz de sorriso infinito, bonito! E você, bom rapaz, ainda és bonito aos meus olhos. Minha beleza é ser quem sou, mesmo não sendo a mais bonita das mulheres. Nunca tive vocação para miss verão e isso não me faz mais ou menos mulher. Além de estar feliz com um rapaz, bom rapaz, hoje eu também uso a razão! Eu estou diferente, bom rapaz, muito: meus cabelos estão naturais, minhas gírias são mais legais, meu andar tem ginga, minha pele acetinou, não sou mais quieta e tenho profissão. Pois é, hoje sou mulher! E mesmo mais velha, eu era uma menina tola que fingia ser esperta, de visão européia e de realidade virtual. Hoje sou brasileira de alma, pêlos e musicalidade. Minha praia se faz em minas onde o sol brilha como um girassol da cor de seus cabelos negros ou castanhos, que não me lembro mais. Eu não lhe devo nada mas sou grata pela decepção! Meu novo rapaz agradece também, pois me encontrou já moldada por você!



Jordana Braz

7 comentários:

Vicky Guarino disse...

MEU DEUSSSSSSSS que texto ótimo ! perfeito, maravilhoso !!!
adorei demaisss

mil bjsss

taturinga disse...

Uauu. Parabéns!! Esse texto é lindo.

Claudia Bittencourt disse...

Caralho, que foda!
:****

Bárbara Borges. disse...

Muito bom mesmo.
Quero crescer assim também, um dia.

Anne Hinckel disse...

Amei esse texto :)

Ana Clara Thomazini disse...

Olá, me cahmo Ana e tenho também um blog onde ponho meus pensamentos, felicidades, questionamentos, angústias, etc. Por uma comunidade sua no orkut vi o endereço de seu blog e fui visitar por curiosidade. Em especial me chamou a atenção este posto, achei muito leve, direto e profundo,; pois é, aparenetemnet estas coisas são umpouco difíceis de se combinar, mas quando acontece sai algo um bocado bonito, igual ao que você fez aí. Continuarei lendo seu blog. Parabéns!

Gabriela Sayour disse...

Belo texto, você se expressa bem com as palavras. Parabéns pelo blog. (;